Saiba como pintar o cabelo de forma profissional

Pintar o cabelo é algo simples, mas é preciso ter conhecimento de algumas informações para que dê tudo certo. Hoje vamos ensinar como pintar o cabelo com a coloração sintética permanente (a que é utilizada em salões de beleza) e um pouco mais sobre a colorimetria capilar.

Mulher pintando o cabelo. Entenda as diferenças de colorações:

  • As colorações são classificadas como sintéticas, metálicas e vegetais.
  • A coloração sintética pode ser permanente (a mais utilizada e é a que encontramos em salões de beleza), semipermanente (também conhecidas como demipermanentes ou tonalizantes, duram em torno de 6 semanas, não é possível clarear o cabelo pois não utiliza amônia) e temporária (é solúvel em água, exemplos: spray e shampoos com pigmentação).
  • Mechas, luzes e descoloração envolve outro procedimento.

Coloração capilar.

  Conheça os tons e o fundo de clareamento:

  • Na imagem a seguir, a coluna da esquerda representa as alturas de tons e a da direita o fundo de clareamento da tonalidade (o cabelo tende a essa pigmentação). Exemplo: o cabelo preto natural tende a puxar para o vermelho.

Altura de tom.Conheça o que é a Estrela de Oswald:

Caso você  não queira que seu fundo de clareamento apareça ou deseje uma cor além da tabela acima, é necessário conhecer a Estrela de Oswald (sistema de organização de cores).

Estrela de Oswald.

A numeração representada na imagem anterior, é da seguinte forma:

  • ,1 – Azul (acinzentado).
  • ,2 – Violeta (irisado).
  • ,3 – Amarelo (dourado).
  • ,4 – Laranja (cobre).
  • ,5 – Acajú (cor sintética).
  • ,6 – Vermelho (avermelhado).
  • ,7 – Verde (mate).

Saiba que:

  • As cores opostas se neutralizam, exemplo o azul neutraliza o laranja. Há um detalhe que o azul ou acinzentado é a cor que neutraliza todas as outras quentes.
  • A junção de todas as cores resulta no marrom.
  • Algumas empresas adotam numerações fora do padrão.
  • O acajú não é quente e nem frio, é uma cor sintética formada de uma mistura entre o violeta e o vermelho.
  • Agora que você já conhece a Estrela de Oswald, entenda que, por exemplo: uma loira pintou o cabelo de mais claro e está insatisfeita com a cor amarelada de seus cabelos (por causa do fundo de clareamento), é possível reverter a situação neutralizando com o cinza (ou azul), mas ela não vai passar apenas essa tonalidade e sim um tom loiro que puxe para o acinzentado, como na imagem a seguir (note que vem primeiro a numeração do tom e após a vírgula a numeração do acinzentado).

Tons acinzentados. Saiba ler os números na tabela de cores:

Tudo que está antes da vírgula significa a altura tem tom e o que está após é o reflexo da cor, como está na Estrela de Oswald. Exemplos:

  • Cor 6,35: o 6 é a altura de tom (louro escuro), o 3 representa o amarelo ou dourado e o 5 é o acajú. O 6 é a cor fundamental, o 3 é o reflexo principal e o 5 é o reflexo secundário. A composição da cor é geralmente 50% para a cor fundamental, 30% para o reflexo principal e 20% para o reflexo secundário.
  • Cor 4,0: 4 é a altura de tom (castanho médio) e o 0 quer dizer intensidade dessa altura de tom.
  • Cor 5,11: 5 é a altura de tom (castanho claro), o primeiro 1 significa acinzentado e quando repete-se novamente  mesmo número após a vírgula representa que é intensificado.

A maioria das empresas utiliza as numerações dessa forma, mas também é possível identificarem por letras depois da altura de tom como 6NB (louro escuro natural bahia). Fique tranquila que você não precisa decorar nada disso, tem no catálogo de cores.

Tabela de cores de tintura capilar.

Oxidante: 

O oxidante é a água oxigenada em emulsão (creme), é necessário para a coloração. A água oxigenada utilizada para os cabelos é menos agressiva do que as líquidas.

  • 10 volumes: serve para escurecer 1 tom ou permanecer a mesma cor (tom sobre tom).
  • 20 volumes: clareia 1 a 2 tons, também cobre os brancos e serve para pintar tom sobre tom (escurecer).
  • 30 volumes: é usada para clarear 2 a 3 tons.
  • 40 volumes: é para abaixar 3 a 4 tons.

Exemplo: Maria tem o cabelo castanho médio (tonalidade 4) e quer pintar de louro escuro (tonalidade 6), conta-se a partir do tom que se tem até o que quer chegar, então são 3 tons, Maria deve usar água oxigenada de 30 ou 40 volumes.

Água oxigenada. É importante saber que:

  • Cor fantasia é aquela fora do padrão, exemplo 6,35 e a cor base é a 6.
  • Se você quer clarear mais que 4 tons ou pintar com uma cor fantasia (exemplo: azul) você deverá passar por uma descoloração antes, mas no caso de clarear é possível fazer mechas ou luzes.
  • É impossível clarear cabelos já tingidos apenas com outra cor mais clara. Para clarear cabelos já tingidos, deve-se fazer mechas, luzes ou uma descoloração antes.
  • Não é possível reutilizar a tinta já misturada com o oxidante depois de muito tempo, pela perda das propriedades químicas. A coloração deve ser feita na hora da aplicação.
  • Se você tem uma tonalidade no comprimento das pontas e sua raiz do cabelo já cresceu apresentando a cor natural e você vá pintar de outra cor bem diferente do comprimento, seu cabelo não ficará uniforme, é ideal mudando a cor aos poucos ou até mesmo passando por uma decapagem (retirada dos pigmentos artificiais).
  • Escurecer o cabelo é muito fácil, difícil é clarear, se o seu cabelo é muito claro e danificado precisará de uma pré-pigmentação (é uma pigmentação prévia, com oxidante de 10 volumes, por 10 minutos com uma tonalidade inferior da pretendida para que dê o fundo necessário para a coloração, na proporção 1:1).

Marimoon.

Análise capilar:

  • Um dia antes de aplicar todo o produto, teste se você possui alguma reação alérgica.
  • Avalie a altura de tom do cabelo a ser pintado, com a ajuda de um catálogo de cores e depois escolha a cor que será aplicada.
  • Verifique a porcentagem de cabelos brancos.

Análise capilar.   Contraindicações e recomendações:

  • A coloração permanente é incompatível com alguns procedimentos como: colorações vegetais (como a henna) e colorações metálicas.
  • Não é recomendado fazer a coloração permanente com alguns tipos de alisamentos e relaxamentos, como o tioglicolato, henê e a base de chumbo. Se tiver dúvidas, antes de começar faça um teste de mecha para saber se o cabelo vai suportar ou pergunte a um profissional.
  • Não é indicado grávidas tingirem o cabelo.
  • É importante hidratar o cabelo com frequência após o processo e até mesmo fazer cauterização.
  • Utilize boas marcas de shampoo e condicionador, de preferência aquelas que protegem a cor do cabelo.
  • Os fios de cabelo também sofrem com a exposição solar, é indicado usar leave-ins e reparadores de ponta que apresentam filtro solar.

Hidratação no cabelo.   Como preparar a coloração:

  • Para misturar a tinta com o oxidante (água oxigenada) veja qual é a proporção fornecida na embalagem da marca que você usa. O primeiro número da proporção, exemplo: 1:1,5, se refere ao colorante e o segundo ao oxidante. 1:1,5 significa que a cada 100ml de colorante é preciso misturar 150ml de oxidante. 1:2 significa que a cada 100g de colorante, é necessário 200ml de oxidante.
  • Você pode se basear nas quantidades através de duas formas. Tradicional: divide-se o tubo de tinta em 4 partes iguais (se no tubo de tinta inteiro tem 80g, cada parte dividia terá 20g) e mede-se o oxidante com um copo dosador. Moderna: utiliza-se uma balança de precisão digital.
  • É preciso atentar também na porcentagem de cabelos brancos na hora da mistura, as vezes é necessário misturar a cor fantasia com a base. Exemplo: você quer pintar o cabelo na cor 5,11 (cor fantasia), se você tem até 30% de cabelos brancos não é necessário misturar a cor base (a cor 5); se você tem de 30 a 50% de cabelos brancos, você precisa adicionar 30% da cor base e mais 70% da cor fantasia; se você possui mais de 50% a 100% de cabelos brancos é necessário misturar 50% da cor fantasia e 50% da cor base.
  • Outro exemplo: Vanessa tem 100% de cabelos brancos, a proporção da mistura é 1:2, se ela colocar 200ml de oxidante, ela vai precisar de 100g de colorante, mas como ela precisa da cor base e fantasia devido aos cabelos brancos ela vai misturar primeiro 50g da cor base com 50g da cor fantasia (50+50=100) e depois misturar com 200ml do oxidante.

Tintura capilar.

  Forma de aplicação:

  • Coloque luvas para proteger suas mãos da química.
  • Deve-se aplicar a tintura com o cabelo sujo, pois a oleosidade é uma proteção para o couro cabeludo.
  • O cabelo precisa estar seco antes de passar a coloração.
  • Com a ajuda de um pente, divida o cabelo em quatro partes, da testa até a nuca e de uma orelha até a outra.
  • Passe uma pomada rente a linha do cabelo, para que não escorra tinta na sua face.
  • Iniciar a aplicação com um pincel pela área que tem mais cabelos brancos, caso não tenha diferenças aparentes, comece pela nuca.
  • A aplicação em cabelos naturais é por inteiro, já no retoque é apenas na raiz.
  • Caso o cabelo já esteja tingido e você vai colorir a raiz com uma cor pouco diferente do comprimento, primeiro se passa na raiz e no próprio lavatório é misturado a tinta já preparada com um pouco de shampoo, puxando para o comprimento e deixando agir 10 minutos e é enxaguado em seguida.

Aplicando tintura capilar.

  Tempo de permanência da coloração após a aplicação:

  • É indicado pelo próprio produto, geralmente é 45 minutos. Depois é só lavar os cabelos com bons produtos.

Seja o(a) primeiro(a) a postar um comentário!

Faça um comentário

 

Translate »