Início Site Página 19

Look e maquiagem: aprenda a combiná-los

0
Taylor look.
Taylor Swift.

Se existe uma coisa que todo mundo concorda é que a maquiagem é o toque final para a composição de qualquer look. É ela que dá mais charme e elegância à composição toda. É claro que para ter esse resultado, é necessário alguns detalhes.

Quando se trata da maquiagem, o ideal é que se use tons uniformes, onde haja uma ligação e equilíbrio entre as cores do seu look e seu tom de pele.

Descobrir quais são as cores certas para cada tipo de roupa não é difícil. Você pode usar as regrinhas de harmonização ou optar pela sua criatividade, e quebrar todas essas regras. Abaixo vamos ajudar você a escolher a maquiagem ideal para cada look e tom de pele. Confira!

Como descobrir qual a maquiagem certa para seu tom de pele

Primeiramente, você precisa entender um pouco mais sobre a cor da sua pele.

A cor que mais valoriza o tom de pele de cada pessoa, é definido em três pontos básicos:

1 – Temperatura, é preciso saber se é quente ou fria.

2 – Valor, é preciso definir a tonalidade, se é clara ou escura.

3 – Intensidade, aqui definimos se é viva ou opaca.

Para saber qual é o seu tom de pele, existem algumas maneiras fáceis e rápidas que ajudarão você. Por exemplo, pegue algumas tiras de tecidos coloridos e aproxime-os do seu rosto.

Repare qual cor realça mais sua pele e veja: se forem as cores frias, sua pele será fria, e assim por diante. Outra forma “bacana” é utilizar uma moeda. Escolha duas cores: uma prata e uma dourada. Se a dourada realçar melhor com seu tipo de pele, ela é quente. Se for a prata, ela é fria.

Combinações de make para peles frias e quentes

Pele quente

Se você possui o tom de pele mais quente, opte por cores mais terrosas. Você pode elaborar a seguinte combinação: lápis marrom nos olhos + um pouquinho de dourado nas pálpebras, blushes alaranjados num tom pêssego para as maçãs e um lindo batom vermelho para finalizar.

Pele fria

Já as peles mais frias podem optar por outros tons, como aqueles mais fechados. O lápis e as máscaras podem ser nos tons preto ou grafite, acompanhados dos tons prata nas sombras. O blush que mais combina com esse tipo de pele é o mais rosado e o batom deve ir para o lado do rosa também. Mas, se você quiser ousar um pouco mais, pode optar por um rubi ou vinho.

Para combinar a make com o look…

Depois de descobrir qual é o seu tom de pele, fica mais fácil escolher as cores do look. As cores que têm uma boa harmonização serão as mesmas tanto na make, quanto no look, e aí definiremos apenas a composição.

Roupas coloridas + make natural

Para não deixar nada pesado demais, é preciso dosar as cores. Se você optou por cores muito contrastantes no look, procure usar tons mais neutros na make. Isso deixará a composição mais leve e bonita.

Look colorido e maquiagem natural.

Roupas claras + make marcante

Se todas as suas roupas já são neutras, por que não optar por uma make mais marcante? Escolha olhos mais escuros e batons de cores mais fortes e chamativas.

Se você não gostou de uma combinação, não tenha medo de ousar e criar a sua própria composição. As regras existem para que você tenha um “norte”, mas a diversão disso tudo está justamente na graça de poder quebrá-las.

Não tenha medo de fazer suas misturas. Você conhece seu corpo e só você sabe o que fica melhor nele e o que a faz bem. Maquiagem marcante roupa clara.

Use o círculo cromático para definir as cores

Circulo Cromático.

Para descobrir os tons certos para harmonizar a maquiagem, você pode optar pelo círculo cromático. Ele possui as cores do arco íris e suas variações, facilitando a percepção das cores e da relação que há entre elas, deixando a combinação mais fácil.

A facilidade que ele apresenta é a seguinte: você entende melhor quais cores realçam ou complementam melhor os tons. Se o que você quer é dar um contraste, as cores precisam ser complementares, ou seja, estarem em lugares opostos no círculo. Se você quer complementar, precisa optar por cores análogas, que ficam lado a lado no círculo.

Seja criativa!

Não se prenda apenas as combinações pré-determinadas. Faça algumas combinações, misture, invente, crie sobreposições que combinam com você. Abaixo, separamos algumas imagens para servir de inspiração. Confira:

Mariana Ximenes.
Mariana Ximenes.
Cléo Pires.
Cléo Pires.
Taylor look.
Taylor Swift.

Gostou das dicas? Agora é só abusar da criatividade e montar seu próprio look.

Raiane RIbeiro.

Festival de Cannes 2015: famosas apostam no branco

0
Looks Festival de Cannes 2015.

O Festival de Cannes 2015 está dando muito o que falar. O evento tem como objetivo revelar e valorizar obras que servirão para a evolução do cinema, favorecendo assim, o avanço da indústria de filmes em todo o mundo.

O festival é realizado todos os anos na segunda quinzena de maio, na cidade de Cannes na França e um dos maiores acontecimentos da vida cinematográfica mundial, desde 1946 (ano de sua criação). Neste ano o evento ocorreu entre os dias 13 e 24 de maio.

O Festival de Cannes 2015 teve uma festa maravilhosa e repleta de pessoas muito influentes para o cinema, como de costume. Famosas como Taylor Swift, Rita Ora, Gigi Hadid, Izabel Goulart e outras estiveram presentes no evento, o que deixou tudo ainda mais bonito.

Looks – Festival de Cannes 2015

Looks Festival de Cannes 2015.

O que ganhou grande destaque nos sites de notícias foram os looks escolhidos pelas famosas para este grande evento. Aparentemente, o branco é o mais novo pretinho básico. O tapete vermelho também esteve cheio de decotes, fendas e branco, muito branco!

O maior destaque foi para as escolhas dos looks: todos extremamente elegantes. Segundo, os recortes. A chance de poder usar um look mais atraente, mas sem mostrar o corpo demais, ganhou o coração de muitas celebridades. As aberturas e transparências utilizadas foram colocadas em lugares bem estratégicos, como na barriga, colo e cintura, fazendo com que um look aparentemente simples, torne-se poderosa, deixando a mulher mais elegante e feminina.

Para ousar com um look desses, é preciso garantir a boa forma. Afinal, com transparências e aberturas fica fácil mostrar os pneuzinhos e as indesejadas gordurinhas.

Se você gostou e acha que algum desses modelos dariam certo para você, então, pode se preparar, porque pelo que vimos no Festival de Cannes 2015, as transparências, recortes e barriguinha de fora estão em alta, deixando as mulheres mais lindas do que nunca.

Festival de Cannes 2015.

Diga para nós, qual o seu look preferido?

Raiane Ribeiro

Intuição – TESTE – Você segue a sua?

0
Intuição.

Embora nem todas as pessoas saibam utilizá-la, a intuição é uma forma de conhecimento que vive dentro de nós. Ela é difícil de ser explicada, mas mesmo assim, todos nós sabemos o que ela é.

Intuição.

Sabe aquele sentimento super forte – que você não consegue controlar, nem sabe de onde veio – que nos guia a fazer ou não alguma coisa, mas você nem se dá conta do porquê fez ou deixou de realizar tal coisa? Essa é a tal da intuição.

Algumas pessoas se beneficiam dela para tomar sábias decisões e acertarem em suas escolhas.

E você, confia na sua intuição? Responda as perguntas abaixo e descubra.

Teste

Clique em “iniciar o questionário”.

Resultados

Você ouve sua intuição

Pra você, aquela “vozinha” que há dentro de nós, nos direciona para alguns caminhos por motivos bem específicos. E o resultado disso tudo pode ser muito mais positivo do que você imagina, ein? Quando há duas opções, como seguir seus instintos ou se entregar sem medo, você sempre opta pelo seu sexto sentido. Isso é ótimo, pois mostra uma conexão bem interessante entre você e o seu “eu” interior. Só tome cuidado para não se apegar demais a isso e deixar de viver as oportunidades que a vida lhe dá, ein? Não deixe sua intuição de lado, mas também não deixe que ela impeça você de viver.

Você não acredita muito em intuição

Você é racional e acredita que esse papo de intuição é totalmente furada e que quem faz as coisas acontecerem (e escreve seu destino) é você mesma. Sua racionalidade muitas vezes toma as rédeas da situação e analisa quais são as reais possibilidades entre os dois caminhos: aquele que leva algo a dar certo e aquele que leva algo a dar errado.

Acredite que você pode fazer as escolhas certas para sua vida com a razão, mas também não descarte a possibilidade que aquela “vozinha” na sua cabeça ou no seu coração, pode estar mostrando a você algo que sua racionalidade deixou passar.

Raiane Ribeiro.

Coleção Cruise 2016: Dior sai completamente do básico

0
Coleção Cruise 2016 - Dior.

Se tem uma verdade que nós não podemos negar, é que toda mulher tem uma “quedinha” por acessórios. Portanto, hoje iremos mostrar a Coleção Cruise 2016 da Dior, inspirada nesses adornos.

A escolha dos acessórios depende muito da personalidade de cada um(a), podem ser nudes, pretos, brancos e coloridos; mas nós sabemos que as grandes marcas influenciam muito nessa decisão, como é o caso da Dior.

Coleção Cruise 2016 – Dior

No último dia 11, aconteceu o desfile, no Palais Bulles, em Théoule-sur-Mer, cidade que fica próximo a Cannes, no sul da França. A marca veio para mudar completamente nossos pensamentos sobre sapatos e bolsas. A aposta da vez é sair do básico e apostar as fichas nas peças ‘statement’ estampadas e coloridas na hora de montar o look.

Cruise 2016.

A coleção apresentada em Cannes, teve como foco bolsas e sapatos. Os modelos que mais predominaram nas passarelas foram as botas de cano médio e bico fino estampadas.

Em relação as bolsas, quem roubou a cena foi a bolsa “saco” com apliques super divertidos. Alguns modelos de bolsas mais clássicos não ficaram de fora, como no caso da Lady Dior, que reapareceu em couro colorido e estampa de corrente.

E para deixar tudo ainda mais diferente e ousado, a Dior também apostou no mix de combinações: as estampas das roupas eram diferentes das estampas dos acessórios. Para algumas pessoas, a combinação pode parecer exagerada e “coisa de passarela”, mas de fato a Dior conseguiu “quebrar” completamente esse tabu e “descombinou” (combinando) as peças com êxito.

Coleção Cruise 2016 - Dior.

É claro que o sucesso dessa decisão se deu graças ao bom e velho truque, conhecido por aqueles que são apaixonados pela moda: a utilização de estampas diferentes, porém com os mesmos tons. Isso faz com que a “quebrada” na estampa não seja tão impactante, pois como são os mesmos tons, ainda é possível encontrar um pouco de semelhança entre os detalhes do look.Dior - Coleção Cruise 2016.

O que você mais gostou da Coleção Cruise 2016 da Dior? Comente!

Raiane Ribeiro.

Como entender a numeração das tintas de cabelo

0
Como entender a numeração das tintas de cabelo.

Se o que você mais quer neste momento é mudar o visual e, para isso, pintar o cabelo, já deve saber que um bom resultado depende muito da tintura que você escolhe. E por isso, hoje vamos mostrar como entender a numeração das tintas de cabelos.

Como entender a numeração das tintas de cabelo.

Para escolher o produto certo, primeiramente, pesquise sobre as marcas. Depois, você precisa escolher entre as diversas fórmulas e texturas: gel, creme, xampu, pó ou pasta. Assim que escolher entre esses itens, você precisa optar pela cor que mais combina com o tom dos seus fios e de pele. Para acertar nessa escolha, é preciso conhecer as numerações das tintas.

O resultado final vai ser determinado pela cor que você escolher. As tinturas são diferenciadas por números, é assim que é definido a tonalidade, pois cada número corresponde a uma variação de nuance/reflexo. Então, cuidado! Nada de escolher a cor da tintura de acordo com a foto na caixinha, o resultado pode ser bem frustrante.

Lembrando que a cor indicada na caixinha, é a cor que você pode esperar da tintura. O resultado dela no cabelo, vai depender muito da cor do seu cabelo original.

Cor/Tom

O número que vem primeiro evidencia qual é a cor base da tintura (também conhecida como altura do tom), estabelecido por uma escala internacional de tons, que mostra as cores do preto ao loiro ultra claríssimo.

1 – Preto Profundo/Ultra Preto

2 – Preto Natural

3 – Castanho Escuro

4 – Castanho Médio

5 – Castanho Claro

6 – Loiro Escuro

7 – Loiro Natural/Loiro Médio

8 – Loiro Claro

9 – Loiro Muito Claro

10 – Loiro Claríssimo

11 – Loiro Super Claro

12 – Loiro Ultra Claríssimo

Nuance/Reflexo

O segundo número que você vai encontrar na caixinha, aquele que vem depois do ponto, equivale às nuances e reflexos que são combinadas com a cor/tom (cor base) e se destacam mais sob a luz do sol. Sendo assim, o primeiro número depois do ponto são os reflexos primários, já o segundo número após o ponto são os reflexos secundários. Se em alguma tintura você notar que há o número zero depois do ponto, como 1.0 ou 2.0, significa que essa tintura representa “cor natural”, sem os reflexos que citamos acima.

0 – Sem reflexo/Natural

1 – Azul/Acinzentado

2 – Violeta/Irisado (ou Mate em algumas marcas)

3 – Dourado

4 – Acobreado

5– Acaju

6 – Vermelho

7 – Marrom/Chocolate

9 – Verde/Mate (ou Violeta em algumas marcas)

Tabela de cores.

Agora ficou mais fácil entender, certo? É assim, o tom 4 com uma nuance 4, é o mesmo que uma tintura 4.4, castanho médio acobreado. Se acontecer de o número da nuance repetir (4.44, por exemplo), significa que o reflexo é intenso. Se existir dois ou mais números antes do ponto, é porque a cor base não é pura. Ela possui outros tons e o resultado por ser diferente do que se espera.

Agora que você aprendeu como entender a numeração das tintas de cabelo, clique aqui para saber como pintar o cabelo de forma profissional.

Raiane Ribeiro.

Unhas de borboleta: como fazer

0
Unhas de borboleta.

Você gosta de inovar na hora de pintar suas unhas? Se a resposta é sim, então, estamos aqui para ajudar você. Escolhemos dois tutoriais super práticos, rápidos e que dá para você fazer em casa, sem gastar nadinha. Aqui, vamos ensinar você a pintar suas unhas de borboletas.

O primeiro tutorial é só das asas e o segundo são de desenhos de borboletas. Confira abaixo e faça em sua casa.

Tutorial 1 – asas de borboleta

Unhas de borboleta.

Você vai precisar de um esmalte verde água, verde bandeira, verde claro, preto e glitter.

1) Primeiramente, prepare sua unha. Lixe-a, passe uma base e esmalte branco.

2) Depois, passe uma camada de cada cor dos tons de verde (uma embaixo da outra) em uma esponja. Pegue a esponja e aplique as três camadas sobre sua unha já com o esmalte branco. Isso vai fazer com que sua unha fique pintada em um tom degradê.

3) Assim que tiver esse efeito do passo número 2, passe o glitter.

4) Com o esmalte preto e pincel, faça uma linha fina, contornando todos os cantos da sua unha. Escolha um lado das laterais e pinte, como se fosse o miolo de uma flor. Faça algumas linhas que ligue esse “miolo” com os outros cantos da unha.

5) Com o boleador ou palito fino, faça bolinhas brancas nas partes pretas (no “miolo” e nos cantos). Pronto! Suas unhas de borboleta estão prontinhas e lindas!

Tutorial 2 – unhas de borboleta

(Este tutorial está com a legenda espanhol, caso você queira praticar a língua um pouquinho).

1) Antes de tudo prepare sua unha e passe a base. Depois, faça uma francesinha branca mais larga, espere secar um pouco e passe glitter.

2) Com um esmalte azul fosco e o pincel, faça o desenho de uma asa de borboleta, no centro da francesinha.

3) Faça um desenho mais arredondado na parte de dentro da francesinha, como continuação da asa.

4) Com o pincel e um esmalte azul mais claro do que o que foi usado, faça o desenho de duas bolinhas (não precisa ser simétricas).

5) Use o esmalte preto para contornar as asas. Depois, faça um risco na vertical, próximo a asa e dois riscos menores, como duas anteninhas.

6) Acrescente alguns strass nas asas e, usando o boleador, faça algumas bolinhas brancas no contorno preto.

7) Reforce o glitter na francesinha e desenhe algumas bolinhas pretas (como oncinhas). Espere secar, passe a base e fim! Suas unhas de borboleta estarão super bonitas e diferentes.

Raiane Ribeiro.

Álbum de casamento: checklist de momentos para fotografar

0
Álbum de casamento.

Quando chegar o grande dia, é fato: você vai querer registrar todos os momentos para o álbum de casamento. E isso é completamente normal, pois é um dia cheio de sorriso, felicidade e fortes emoções.

Álbum de casamento.
Créditos imagem: Acioli Artes Filmes.

Além disso, as fotos deste dia serão usadas para mostrar aos seus filhos, netos ou a quem quiser ver, como foi cada detalhe da comemoração. Por isso, é muito importante investir na contratação de um serviço profissional, assim você tem qualidade no material e sabe que terá alguém que respeitará seus desejos quanto ao que deve ser registrado.

Antes de contratar um fotógrafo, marque uma reunião e peça para ver diferentes trabalhos que ele já realizou e perceba como será a sintonia de vocês. É preciso que haja um entrosamento legal, para que você se sinta à vontade durante os clicks. Afinal, você não quer que nada pareça forçado, certo?

Outro detalhe importante: defina previamente os momentos a serem fotografados e o estilo das fotos do álbum de casamento. Para ajudar você, preparamos uma lista de momentos que não podem ser deixados de lado. Confira!

Checklist – álbum de casamento

Durante a preparação…

  • Noiva durante a preparação da maquiagem, cabelo, etc.

  • Vestido da noiva em um cabide, espalhado em algum lugar, seja na cama, mesa ou cadeira.

  • Itens que a noiva usará, como sapato e joias.

  • Preparação das damas de honra.

  • Vestido da noiva sendo abotoado.

  • Mãe ajudando a noiva no preparo, de preferência na finalização, arrumando o véu, por exemplo.

  • Noiva se admirando no espelho.

  • Reação das madrinhas ao ver a noiva em seu vestido.

  • Reação do pai ao ver a noiva pronta.

  • Noiva ao lado de seus pais e irmãos.

  • Noiva e suas damas de honra.

  • Noivo se preparando com seus familiares, como pais e irmãos.

  • Noivo com seus padrinhos.

  • Padrinhos dando o último retoque no noivo, ajeitando a gravata, por exemplo.

  • A noiva e o noivo separados, indo em direção a cerimônia.

Cerimônia

  • Local vazio, antes dos convidados chegarem.

  • Noivo com sua mãe, indo para a celebração.

  • Rosto do noivo enquanto espera pela noiva.

  • Damas de honra e pajens indo para a celebração.

  • Noiva e seu acompanhante, esperando o momento de ir à celebração.

  • Expressão da noiva antes de fazer sua entrada.

  • Noiva e seu acompanhante indo para a celebração.

  • Reação do noivo à entrada da noiva.

  • Acompanhante da noiva entregando-a ao noivo.

  • Noiva e noivo juntos na celebração.

  • Expressão dos pais dos noivos acompanhando a cerimônia.

  • Cerimônia do fundo da igreja, do ponto de vista dos convidados.

  • Convidados, do ponto de vista do casal.

  • Expressão da noiva e do noivo enquanto recitam seus votos.

  • Entrega da aliança, tanto do noivo, quanto da noiva.

  • O beijo dos noivos.

  • Após a celebração, recém-casados.

  • Cumprimento entre famílias e padrinhos.

  • Os noivos deixando o local da cerimônia.

Antes da recepção

  • Os noivos juntos.

  • Noiva com sua mãe separadamente.

  • Noiva com seu pai separadamente.

  • Noiva com seus pais.

  • Noiva com seus familiares, pais e irmãos.

  • Noivo com sua mãe separadamente.

  • Noivo com seu pai separadamente.

  • Noivo com seus pais.

  • Noivo com seus familiares, pais e irmãos.

  • Os noivos com a família da noiva.

  • Os noivos com a família do noivo.

  • Os noivos com os pais de ambos.

  • Os noivos com pais e irmãos de ambos.

  • Os noivos com as damas de honra e pajens.

  • Os noivos com padrinhos e madrinhas.

Recepção

  • Fotos do local vazio, antes dos convidados chegarem.

  • Decoração em geral, menus, entrada e cartões de marcação de lugares.

  • Decoração da mesa e bolo.

  • Os noivos recebendo os convidados.

  • Amigos e familiares dos noivos fazendo brindes.

  • O brinde dos noivos.

  • Noivos falando com os convidados.

  • Primeira dança dos noivos.

  • Noiva dançando com seu pai.

  • Noivo dançando com sua mãe.

  • Dança dos familiares, entre pais e avós.

  • Músicos tocando.

  • Dança dos convidados.

  • Noivos dançando juntos ou sozinhos.

  • Corte do bolo pelos noivos.

  • Lançamento do buquê.

  • A noiva e a pessoa que pegou o buquê juntas.

  • Saída dos noivos.

Para evitar dores de cabeça com seu fotógrafo, deixe claro tudo o que você que seja fotografado em contrato, assim como o tempo em que o fotógrafo permanecerá na festa e os preços do álbum de casamento.

Raiane Ribeiro.

Emprestar maquiagem pode oferecer riscos à saúde

0
Emprestar maquiagem.

Você tem o hábito de compartilhar ou emprestar maquiagem a suas amigas? Então, esse texto é para você! Poucas pessoas sabem, mas é muito importante cortar esse hábito. Por que? Os riscos de contaminação e comprometimento da saúde aumentam consideravelmente quando você faz este tipo de coisa. Entre os problemas mais comuns, estão aqueles que afetam principalmente a pele e os olhos.

Emprestar maquiagem.

Doenças transmitidas ao empresar maquiagem

Um ato inofensivo, como compartilhar um batom, lápis ou rímel, pode oferecer sérios riscos à saúde. As doenças infecciosas são transmitidas, principalmente, quando há algum tipo de lesão na pele. Fique atenta: os principais vilões neste cenário são as esponjas e pincéis.

Foliculite

A foliculite é uma das doenças que podem facilmente ser transmitidas através do compartilhamento de maquiagens. Ela é causada por uma bactéria e se apresenta através de erupções cutâneas, muito parecidas com as acnes. Qual a forma de transmissão? Quando uma mulher com foliculite passar a base no rosto e logo após emprestar a esponja para sua amiga, ela pode transmitir a doença.

Conjuntivite

Outra doença muito comum que é transmitida ao emprestar maquiagem, é a conjuntivite, que é uma inflamação da membrana mucosa dos olhos (conjuntiva).

Os sintomas apresentados são: olhos vermelhos, pálpebras inchadas, coceiras e secreções. Se a mulher usar o lápis de olho, sombra ou delineador e logo após emprestá-los, é possível que ela transmita a infecção viral.

Herpes

Entre as doenças que podem ser transmitidas, temos também a herpes, uma doença infecciosa que se apresenta através de lesões que se formam nos lábios. As mulheres que dividem o mesmo batom, podem sofrer com a aparição desta doença.

A contaminação de qualquer doença pelo compartilhamento de maquiagem, não se dá instantaneamente. É possível que a mulher se maquie no salão de beleza, fique linda a noite toda, e só no dia seguinte perceba que está com um inchaço no olho.

Formas de evitar a contaminação

1 – Armazene seus produtos em um ambiente limpo.

2 – Não guarde sua maquiagem com itens que tornam a contaminação mais fácil, como dinheiro e documentos.

3 – Na hora de se maquiar, evite as esponjas, pois elas acumulam bactérias. Opte pelos pincéis.

4 – Para evitar que seus pincéis sejam contaminados, lave-os a cada 15 dias. Utilize shampoo neutro e não deixe que a água escorra para dentro das cerdas. Deixe que os itens sequem na horizontal.

5 – Se você vai se maquiar no salão e não confia nos produtos que serão utilizados, leve os pincéis ou até mesmo suas próprias maquiagens.

Raiane Ribeiro.

Verrugas: causa, transmissão e os tratamentos

0
Verrugas.

Elas não causam dor, na maior parte das vezes são inofensivas, mas mesmo assim, ainda causam muito incômodo. Sabe do que estamos falando? Isso mesmo, das verrugas.

Verrugas.

As verrugas são causadas por vírus que formam pequenos tumores na pele. É uma lesão papulosa (área elevada da pele), áspera e podem ser transmitidas facilmente. As verrugas são bem diferentes das pintas, no geral, são maiores e mais texturizadas. Seu aparecimento é comum em crianças, adolescentes, pessoas que roem as unhas das mãos com frequência, pessoas com sistema imunológico enfraquecido, mas também é possível aparecer em adultos saudáveis – ou em qualquer pessoa.

Elas não têm lugar certo para aparecer no corpo humano, podem vir sozinhas ou em grupo e têm muita facilidade para se espalhar de uma área para outra. Algumas, desaparecem com o tempo, sem a necessidade de tratamento específico. Já em outros casos, é preciso fazer um tratamento para acelerar este processo.

Causa – verrugas

Seu surgimento se dá a partir da contaminação do vírus HPV (papiloma vírus humano), que pode ser transmitido através de cortes e lesões na pele. As áreas mais comuns são aquelas onde as pessoas se depilam, no caso dos homens o rosto e no caso das mulheres a perna.

Transmissão

Sua transmissão acontece muitas vezes por meio do toque e esse processo tem o nome de autoinoculação – normal em banheiros divididos em academia, piscinas, etc. As verrugas também podem ser transmitidas durante o ato sexual, quando é feito sem proteção.

Tipos de verrugas

Verruga genial: localizada na região genital, elas são úmidas, macias e possuem uma cor esbranquiçada.

Verruga plantar: elas aparecem na planta do pé e seu crescimento é interno. Geralmente, elas doem ao pisar.

Verruga periungueal: seu surgimento acontece ao redor das unhas.

Verruga vulgar: tem a mesma coloração da pele e são palpáveis.

Verruga filiforme: mais comum em pessoas idosas, parecem projeções de dedos. Seu surgimento se dá na face e no pescoço.

Tratamentos

O tratamento mais adequado será aquele indicado pelo seu médico, entre os métodos mais comuns estão:

  1. Crioterapia (técnica de congelamento, também conhecida como nitrogênio líquido);

  2. Excisão cirúrgica (corte);

  3. Electrocauterização (queimadura por eletricidade, não é muito indicada em peles morenas, pois corre o risco de deixar cicatriz);

  4. Laser (este procedimento também causa queimadura, mas por um feixe de luz intenso);

  5. Cantaridina (substância química que causa queimadura, deixando a verruga seca em até 8 horas após a aplicação);

  6. Ácido salicílico ou outras substâncias queratolíticas (o ácido salícilio é encontrado em muitas pomadas, géis e loções , ajuda na renovação celular, destruindo gradativamente a “pelezinha” da verruga).

  7. Imunoterapia (método em que consiste usar a própria imunidade do corpo contra as verrugas, existem pomadas no mercado, uma delas que tem essa função é a imiquimode).

Os tópicos acima foram apenas um rol de exemplos dos tratamentos, existem muitos outros no mercado, por isso a consulta médica é imprescindível.

Já está disponível para a população a vacina contra o HPV (vírus causador das verrugas), o qual é um dos grandes fatores que provoca o câncer no colo de útero.

Tratamentos caseiros para verruga são confiáveis?

Não! A chance de você espalhar as verrugas para outros lugares do corpo, é grande. Procure sempre um profissional para indicar o tratamento mais indicado. Para evitar que ocorra uma infecção no local, tome alguns cuidados como: não manipular a lesão, não usar nenhum tipo de tratamento sem orientação médica e nunca usar alicates ou qualquer outra ferramenta para sua remoção.

Para prevenir o surgimento de verrugas, cuide das lesões abertas e limpe-as sempre que possível. E mais! Evite ter contato com a verruga de outras pessoas, lembre-se que elas são facilmente transmissíveis. No geral, elas não oferecem riscos à saúde, exceto o de passar para outras partes do corpo.

Raiane Ribeiro.

.

Modelos de quartos de bebê: dicas para montar e decorar

0
Clássico - quarto de bebê.

Quando a chegada de um bebê é anunciada, toda a família precisa se reorganizar: tanto o lado financeiro, quanto o emocional e o cotidiano. Muitas preocupações cercam os pais, principalmente escolher modelos de quartos de bebê.

O cuidado na preparação deste novo ambiente, necessário e super importante, demanda muito trabalho. A parte de decoração gera muita excitação, mas é importante lembrar que é preciso pensar no conforto e na saúde da criança que está por vir. A dica é: pense menos na decoração e mais na praticidade, organização e cuidados básicos com o lugar onde seu bebê irá ficar.

O lugar precisa ser funcional e acessível de maneira fácil, afinal, os pais precisarão atender às necessidades da criança em horários inesperados e corridos.

Dicas: modelos de quartos de bebê

1. Móveis

Em primeiro lugar, vamos às distribuição dos móveis. Arrume-os de uma maneira que seja fácil circular pelo quarto, a passagem por ele precisa estar livre. Nada de excessos e exageros na mobília, compre aquilo que for realmente necessário e que não exija adaptações no cômodo.

Distribua os móveis de forma que fiquem favoráveis às condições do bebê. Para garantir um sono de qualidade, por exemplo, a localização das janelas devem ser bem combinadas com a posição do berço. Assim, a criança terá uma boa ventilação e uma iluminação que não seja incômoda e não atrapalhe sua rotina de amamentação.

Em relação ao conforto térmico, é possível proporcioná-lo conjuntamente com o piso definido para o quarto, que também deve ser fácil de limpar.

Modelos de quartos de bebê.

Quando o bebê chega, o quarto precisa atender as necessidades dos pais. Quando a criança começa a conhecer o ambiente, é preciso tomar alguns cuidados e acrescentar algumas coisas mais atrativas. Para que não seja preciso fazer reformas – que acaba aumentando os custos – é recomendável fazer um quarto adaptável a qualquer idade, apenas acrescentando ou substituindo alguns itens.

2. Itens indispensáveis no quarto de um bebê

  • Berço: ao comprar, antes de qualquer coisa, verifique a garantia da peça pelo Inmetro. Esse é um dos itens que vale a pena apostar na qualidade e ter um investimento maior. Existem alguns modelos que possibilitam a armação para cama posteriormente, é uma ótima opção.

  • Cesto: facilita – e muito – o transporte do bebê quando ele está dormindo. Você pode escolher entre o cesto e o carrinho, mas ter um deles é essencial.

  • Cômoda: nela você guarda as roupinhas, fraldas, peças do enxoval e outras coisinhas do bebê. Com ela, você tem tudo à mão de maneira fácil e prática, vai ajudar muito na hora de trocar o bebê.

  • Trocador: o trocador nada mais é do que um colchão fino de espuma forrado por tecido e material plástico, facilitando sua limpeza. Você pode combiná-lo com cores presentes no quarto ou optar por cores neutras.

  • Prateleiras: se o quarto não permite ter uma cômoda com gavetas, opte por uma prateleira. Organize-a próximo ao trocador, dessa forma facilitará sua vida na hora de trocar o bebê, pois os itens estarão todos próximos.

  • Poltrona: é opcional, mas as mães gostam de tê-las para conforto pessoal. Assim, é possível amamentar a criança com maior comodidade.

  • Abajour: ideal para o momento de amamentação. A intensidade da luz pode ser ajustada pela mãe, fazendo com que o ambiente fique mais aconchegante, criando uma proximidade maior entre mãe e filho(a).

3. A escolha da cor

Na hora de pensar em modelos de quartos de bebê, primeiramente, é importante garantir a limpeza e segurança para seu filho, então, é recomendado utilizar tintas fabricadas a base de água e que sejam laváveis, assim como as acrílicas, sem acabamento totalmente fosco.

Uma alternativa às tintas tradicionais, é utilizar materiais minerais e ecológicos, eles não possuem auxílio de meio químico, nem eliminam toxinas.

Sobre a cor, a tonalidade escolhida precisa estar de acordo com o gosto da família, mais especificamente da mãe, que passará a maior parte do tempo no quarto da criança (por conta da amamentação). O recomendado é não fazer uso de cores quentes, como o vermelho e o amarelo em locais de visão do bebê. Essas cores podem trazer agitação para a criança em um momento que deveria ser de descanso.

Transmitindo sensações através das cores

As cores podem causar vários efeitos nas pessoas e a agitação é apenas um deles. Elas têm a capacidade de transmitir sensações afetivas, materiais, e em certos casos físicas, como frio e calor. Confira abaixo as sensações que são associadas as cores, geralmente, utilizadas nos quartos de bebês.

Branco e off-white

Quarto de bebê branco.

A cor branca – e suas variações, como gelo – geralmente são associadas à paz, limpeza, pureza e infância. Falando em coisas materiais, ela é associada à neve e leite. Entretanto, seu uso isolado, sem o acréscimo de outras cores, remete à carência e com o tempo acaba tornando-se irritante.

Se seguirmos uma escala cromática avançada, aproximando-nos dos tons de cinza, o branco, mais conhecido como “off-white”, estabelece relações com a sabedoria, maturidade e o passado.

Azul

Quarto de bebê - azul.

A cor azul faz referência a valores como simpatia, harmonia e amizade. Se pensarmos pelo lado material, suas associações estão ligadas a coisas como céu, ar e água.

Por ser uma cor fria – e que tem relação com o céu – as sensações transmitidas pelo azul são de verdade, paz, serenidade, fidelidade, sonhos e eternidade. Se colocada em tons escuros, é associada a nobreza, sobriedade e intelectualidade.

Rosa

Quarto de bebê rosa.

Vista como uma cor feminina, o rosa faz referência à ternura, inocência e amabilidade. O rosa é considerado uma “cor feminina” devido ao nome da flor e aos nomes próprios Rosa, que são tradicionalmente femininos.

Amarelo

Quarto de bebê amarelo.

O amarelo é uma cor super vibrante, que provoca dinamismo aos ambientes. Materialmente, essa cor faz referência ao sol, o calor do sol e as flores. Por se tratar de uma cor quente, suas associações afetivas estão próximas às do vermelho, mas não causam tanta irritação.

As sensações que o amarelo causa estão ligadas a conforto, esperança, espontaneidade e euforia. Se usado em tons mais fortes, remete ao ciúme, egoísmo e inveja.

Verde

Quarto de bebê verde.

Em um panorama geral, o verde é uma das melhores cores para quartos de bebês, pois é considerado relaxante e estimulador do sono. Sua relação com a ecologia, faz com que também transmita calma e frescor, além de sensações como serenidade, coragem, tolerância e saúde.

Roxo

Quarto de bebê roxo.

Além do roxo, temos outros tons como violeta e lilás. Ambos estão ligados ao autocontrole, à calma, grandeza, dignidade, delicadeza, fantasia e ao mundo lúdico, tudo aquilo que estimula a imaginação. Ao associá-la a coisas materiais, temos janelas, noite, aurora e mar profundo.

Tons terrosos

Quarto de bebê marrom.

Os tons terrosos estão intimamente ligados à terra, o que faz com que remeta à resistência, vigor e melancolia.

4. Como não errar na decoração

Depois de escolher a cor, fica muito mais fácil pensar nos modelos de quartos de bebê e na decoração. Pense no ambiente que você quer criar para seu filho e realize-o. O mais importante é tomar alguns cuidados para que erros comuns não venham a ser cometidos.

  • Procure não exagerar: mantenha o quarto com espaço para circulação e bem arejado. Elimine móveis que não serão usados por algum tempo e compre a quantidade de roupas e acessórios que podem ser armazenados sem sobrecarregar nada. Tudo na medida certa.

  • Atente-se ao tema: evite usar as mesmas imagens e figuras sempre, isso faz com que o quarto se torne cansativo. Escolha temas mais neutros, principalmente porque você não sabe quais serão os gostos pessoais do seu filho(a).

  • Fique atento aos tecidos: escolha aqueles que são mais fáceis de limpar e secar. Além disso, tenha cuidado e veja se o tecido escolhido não causará nenhuma alergia à criança.

  • Cuidado com os tapetes: escolha modelos simples, que não sejam felpudos e escorregadios. Dessa forma você evita acidentes e protege seu filho(a) de reações alérgicas e contaminações.

  • Verifique onde estão os pontos de energia: esse é um cuidado básico e necessário antes mesmo de montar o quarto da criança. Elas serão úteis em caso de inalação, mas também é preciso ter muito cuidado quanto ao acesso da criança à tomada.

  • Ouse: torne o quarto do seu filho(a) um ambiente único, usando a criatividade. Fuja do comum e use de ideias diferentes para deixar o quarto com a cara da família e cheio de amor.

5. Os estilos mais comuns de decoração

Quanto mais você deixar o quarto da criança único e personalizado, melhor. Entretanto, alguns estilos de quarto são clássicos e nunca saem de moda. Vamos citar alguns para que você conheça e se encante.

Provençal

Provençal - modelos de quartos de bebê.

Elegante, lindo e super luxuoso. O estilo provençal é um estilo decorativo do sul da França. Nesse tipo de quarto são usadas cores mais neutras e itens mais delicados, como floral, xadrez, etc.

Clássico

Clássico - quarto de bebê.

O clássico tem um estilo mais tradicional e também se apresenta em tons mais neutros, onde as cores são focadas apenas nos objetos de decoração. Os móveis deste quarto contam com linhas mais retas e são considerados coringas: perfeitos para quem não quer errar.

Colorido e divertido

Divertidos.

É uma oportunidade de criar um ambiente novo e personalizado para o bebê, mesmo que este tipo de quarto não seja tão procurado pelos pais.

Temáticos

Temáticos.

Aqui, o importante é ir com cautela, para que a imagem não canse. Ter um quarto temático estimula um espaço lúdico, onde a criança será envolvido pela imaginação.

6. Decoração para comprar

Atualmente, há muitas opções de produtos de decoração para compra, principalmente na internet. Mas é preciso ter atenção! Na hora de comprar, além da beleza do produto, verifique os itens: qualidade, durabilidade e segurança. Antes de comprar, verifique o histórico da loja, assim você evita futuras dores de cabeça.

Decorando sem gastos elevados

Organizar o quarto para a chegada do bebê, não precisa ser uma tarefa com altos custos. É possível deixar o ambiente bonito e aconchegante se preocupando apenas com coisas que realmente importam: a qualidade e o acabamento dos móveis.

Neste caso, também é possível reaproveitar algo de um parente, amigo ou conhecido. Dê uma nova utilidade às mobílias “abandonadas” e use a imaginação para reforma-las ou reinventá-las.

7. DIY – Faça você mesmo

Para deixar um pouquinho de você em cada detalhe do quartinho, é possível exercitar a criatividade e colocar a mão na massa. Na internet, você encontra vários vídeos que dão dicas super legais. Confira abaixo alguns que selecionamos para ajudar você.

Móbiles

Excelente opção para despertar a curiosidade, aguçar a visão e despertar estímulos sensoriais, os móbiles ficam pendurados no berço, sob a criança, e apresentam diversas formas e cores. É super simples fazer essa peça, pode ser feita em diversos materiais e sem muito mistério.

Luminária de bexiga e barbante

Esse tipo de iluminação cria sombras diferente e, além disso, diminuem a intensidade da luz. Essa técnica pode ser usada como moldes para outras peças também, como caixas e cestas.

Letras decorativas

Você mesma pode elaborar as iniciais ou até mesmo o nome completo do seu filho(a), tudo isso pra deixar o quarto mais personalizado. Com alguns moldes, as letras decorativas podem ser elaboradas da forma que mais combinar com o ambiente.

Kit higiene

Caixinhas para guardar diversos itens, como pomadas, lenços umedecidos, algodão e outros itens de higiene podem ser produzidos de forma fácil e prática. Assista ao vídeo abaixo e aprenda.

Almofada para amamentação

Proporcionam bem estar e conforto às mães. Se você já tem um pouco de conhecimento em costura, pode fazê-las em casa. Para este item, é legal procurar um tecido que tenha a ver com a decoração do quarto, deixando a peça mais pessoal e especial para seu filho(a).

Esperamos que com essa dica você fique mais tranquilo na hora de preparar o quarto do seu filho(a) e perceba que é possível deixa-lo bonito e aconchegante gastando bem pouquinho.

Gostou das dicas dos modelos de quartos de bebê? Comente!

Raiane Ribeiro.

Translate »